O que a revolução dos bancos digitais tem a ver com o meu negócio?

Tecnologia

O que a revolução dos bancos digitais tem a ver com o meu negócio?

A maioria da população sempre foi “acostumada” com a ideia de que bancos eram instituições burocráticas, sempre com filas e esperas enormes… De certo modo, ainda temos enraizados esses conceitos, mas com o avanço da tecnologia pudemos nos beneficiar de novas ferramentas que facilitam o dia a dia. E é claro que esse avanço também atingiu o setor bancário, que observou seu consumidor e lhe entregou o que era esperado.  E nesse cenário surgiu também as fintechs, como por exemplo a NuBank, C6 Bank, etc. 

A pesquisa realizada por Deloitte intitulada como “Transformação digital no setor bancário: Descobertas sobre consumidores” pode constatar entre os 17 mil consumidores bancários entrevistados em 17 países, 84% utilizam serviços bancários online e 72% utilizam aplicativos móveis para realizar operações. Ou seja, somos consumidores cada vez mais exigentes por usar muito esses serviços e procuramos quem possa atender nossas demandas de serviços inovadores.

As fintechs e bancos tradicionais

A palavra é a junção de financial (financeiro) e technology (tecnologia) e como o próprio nome diz, busca tornar serviços financeiros cada vez mais tecnológicos. Ou seja, as fintechs funcionam a todo o vapor buscando soluções para problemas de maneira rápida e eficaz. 

Pesquisas realizadas ao redor do mundo apontam como as fintechs mudaram toda a estrutura dos serviços financeiros, mesmo que ainda não dominem o segmento é importante levar em consideração a satisfação do usuário, que na maioria das vezes tem chegado bem perto dos 100%.

A grande indagação pode ser “e os bancos tradicionais, como ficam?”, bem, eles também tem tentado se reposicionar, retirar aquela velha premissa de que banco seja algo “difícil”, colocando seus serviços também no online, mas ainda existem muitas falhas.

Tecnologia para o meu negócio

O foco em qualquer segmento precisa ser o consumidor, e sabemos que estamos cada vez mais exigentes, e então procuramos marcas e negócios que possam atender nossas necessidades por meio de serviços inovadores.

A ideia é tornar os processos mais simples para cliente, tornando-os menos burocráticos e desgastantes. Mas para melhorar essa experiência não é preciso pensar em altos investimentos e grandes viradas no negócio.

Elimine burocracias

Essas simplificações podem partir de algo como um sistema que o cliente possa te enviar via nuvem os documentos que precise ou mesmo assinar um contrato sem a necessidade de ir até você. A ideia é simplificar tanto a vida de seu cliente nos pequenos detalhes.

Deixe seu cliente a par de tudo

Procedimentos simples como notificar por e-mail o seu cliente sobre a evolução do contrato podem ser automatizados — muito comum hoje nos processos de compra online — e trazer uma nova visão de todo o processo.

Tenha um canal fácil para suporte

Lembre-se que problemas podem e vão acontecer, então é preciso ter um canal eficiente e acessível que resolva o problema do cliente. Quem nunca passou pela experiência de mil transferências para resolver um chamado em um call-center?!

Gostou do conteúdo?

Infelizmente, chegou o final do conteúdo, mas agora queremos saber a sua opinião: você prefere usar bancos fintechs ou os tradicionais? Esperamos ansiosamente pelo seu feedback.

Estamos sempre nos empenhando para que o nosso conteúdo seja atualizado e te ajude a conduzir o seu negócio. Confira nossos serviços em Stegia e outros conteúdos como esse no Blog da Stegia.

Também estamos no Instagram @stegiadobrasil e twitter @stegiadobrasil, esperamos pelo seu ♥.

A Stegia é uma empresa que valoriza a inclusão: todas as nossas vagas estão abertas a pessoas com deficiência.

Somos uma empresa focada em transformar negócios.

Conheça os nossos serviços para

pequenos e novos negócios

médias e grandes empresas

Avatar Karine Carvalho - Colab da Stegia

Karine Carvalho

Formado em Design Gráfico e colaborador da Stegia desde 2016.

"Eu escolho a cada dia ser parte dessa equipe motivado por uma cultura de desafios constantes, ambiente agradável e valores éticos de uma empresa que preza por seus clientes e colaboradores."

Avatar Karine Carvalho - Colab da Stegia

Karine Carvalho

Formada em Economia e colaboradora da Stegia entre 2018 e 2019.

"O que me encanta e me faz querer estar aqui é a possibilidade de contribuir diariamente com uma empresa inovadora, ética e competente!"

Avatar Karine Carvalho - Colab da Stegia

Karine Carvalho

Sócio fundador da Stegia.

"O que me encanta na Stegia é a percepção que  tenho de que todas as pessoas estão empenhadas no desenvolvimento da empresa."

Avatar Karine Carvalho - Colab da Stegia

Karine Carvalho

Formado em Design Gráfico e colaborador da Stegia desde 2016.

"Poder colaborar com uma equipe totalmente alinhada e determinada a construir processos de aperfeiçoamento para impactar os negócios dos nossos clientes e nosso ambiente de trabalho, me faz querer ser um 'stegiário'!"

Avatar Karine Carvalho - Colab da Stegia

Karine Carvalho

Sócio fundador e idealizador da Stegia.

"A Stegia foi pensada para fornecer serviços e tecnologia para um mercado em plena expansão."

Avatar Karine Carvalho - Colab da Stegia

Karine Carvalho

 Formada em publicidade e propaganda, foi colaboradora da EQS Negócios entre 2017 e 2019.

"Amo escrever e ajudar os outros a contarem suas histórias."

Avatar Karine Carvalho - Colab da Stegia

Karine Carvalho

 Formada em administração de empresas e  colaboradora da Stegia desde 2017.

"Além de uma cultura organizacional 'diferentona' que proporciona o melhor ambiente de trabalho, a Stegia me desafia, todos os dias, a entregar as melhores soluções em tecnologia. Adoro isso!"

Observe que os comentários precisam ser aprovados antes de serem publicados

Busque por suas áreas de interesse

Gostou? Se inscreva!

Cadastre seu melhor e-mail para recebar sempre nossas novidades.

* Não mandamos spam

Compartilhe

Relacionados

Empreendedorismo
Como criar um Funil de Vendas eficiente

Empreendedorismo
Como ser um bom líder

Empreendedorismo
Por que investir em tecnologias acessíveis?